Os mais belos barcos de Paris

Jean BRUEL recebe-o com a sua mais bela frota

Jean BRUEL prefigurava já os 15 barcos de vidro e luz que constituem atualmente a frota.
Todos os barcos são equipados com tecnologia de ponta. Para que possa desfrutar ao máximo da nossa bela capital, todos os barcos são frequentemente restaurados e decorados de acordo com os gostos atuais, dispondo deste modo de um restaurante e de vários conveses que oferecem uma vista de 360°

Le Zouave de l’Alma

Barco Le Zouave de l’Alma

Das quatro estátuas iniciais da Ponte de l’Alma, apenas permaneceu “O Zuavo” de Georges Diébolt, que serve hoje de “escada” para medir as cheias do Sena

Capacidade: Almoço e jantar: 140 Lugares – Cocktail: 240 Lugares/Privatizável

La Patache

Barco La Patache

Este nome deve-se a um barco em que os agentes alfandegários levavam uma “vida dissoluta”

Capacidade: Almoço e jantar: 350 Lugares – Cocktail: 400 Lugares/Privatizável

Le Jean-Bruel

Barco Le Jean-Bruel

Nome em homenagem ao fundador da Compagnie des Bateaux-Mouches®, o Senhor Jean Bruel

Capacidade: Almoço e jantar: 300 Lugares – Cocktail: 320 Lugares/Privatizável

Le Jean-Sébastien Mouche

Barco Le Jean-Sébastien Mouche

Nascido de um embuste imaginado por Jean Bruel, Jean-Sébastien Mouche é um ilustre personagem imaginário que viria a ser o inventor dos Bateaux-Mouches.

Capacidade: Almoço e jantar: 185 Lugares

La Gabarre

Barco La Gabarre

Extraído do nome dos grandes transportadores tradicionais de mercadoria, a Gabarre é o maior barco, e o mais potente, dos Bateaux-Mouches

Capacidade: Almoço e jantar: 500 Lugares – Cocktail: 600 Lugares/Privatizável

La Galère

Barco La Galère

O Espoir é um dos barcos mais emblemáticos da Compagnie des Bateaux-Mouches.

Capacidade - Exterior: 416 Lugares/Interior: 286 Lugares

Le Coche d’eau

Barco Le Coche d’eau

Este nome provém da embarcação de transporte fluvial que transportava, outrora, os passageiros.

Capacidade - Exterior: 699 Lugares/Interior: 137 Lugares

La Galiote

Barco La Galiote

Este nome designava os barcos de alto mar e ainda as embarcações de transporte fluvial.

Capacidade - Exterior: 616 Lugares/Interior: 227 Lugares

L’Hirondelle

Barco L’Hirondelle

As “hirondelles” eram, antigamente, barcos rápidos à vapor que permitiam transportar vários passageiros por determinados cursos de água.

Capacidade - Exterior: 512 Lugares/Interior: 624 Lugares

Le Mulet Coureau

Barco Le Mulet Coureau

Este nome designava, tradicionalmente, barcos com fundos chatos equipados com um mastro basculante que lhes permitia passar sob as pontes.

Capacidade - Exterior: 726 Lugares/Interior: 120 Lugares

La Flûte

Barco La Flûte

Antigo barco de carga holandês, este navio otimizado para o transporte contribuíra para a recuperação do comércio marítimo dos Países-Baixos

Capacidade - Exterior: 660 Lugares/Interior: 256 Lugares